Você está aqui:

Últimas Notícias

Left direction
O atleta é responsável por toda e qualquer substância encontrada em seu organismo. A preocupação com o doping deve ser tema constante na vida do atleta profissional. Dentro deste escopo foi ao ar em 16/11/2013 a matéria da Band sobre doping! Dr. Cristiano aponta a importância do tema. Confi...
      Clube de Atletismo BM&FBOVESPA faz parceria com CBAT e CPB   As duas parcerias, formalizadas nesta quinta-feira (20/2), com a Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt) e o Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB), consolidam o CT de São Caetano do Sul do Clube de...
O Brasil assistiu ao coroamento do bicampenato mundial em pista coberta, no salto em distância, do atleta Mauro Vinicius Hilário da Silva, o Duda, no último sábado dia 08 de março. Duda se tornou o o primeiro atleta bicampeão mundial brasileiro, passando a ser o terceiro atleta do mundo a c...
No dia 29 de março foi realizado o Curso de Extensão em Traumato-Ortopedia  - CETO, organizado pelo departamento de Ortopedia da UFRJ e coordenada pelos drs. Cesar Fontenelle e Petro Mannarino. O evento foi realizado no auditório da academia Body Tech no Shopping Cittá América no período da ...
Entre os dias 2 e 3 de abril de 2014 aconteceu em Cartagena de Índias, Colômbia, a 3a Reunión Latino Americana de Inflamación & Dolor - Pain Academy 2014.  Médicos da América Latina especialistas em Ortopedia e traumatologia, fisiatras, nutricionistas, intensivistas e anestesiologistas discu...
Sanofi, farmacéutica comprometida por el cuidado de la salud y el bienestar de las personas, organizó del Primer Congreso de Cuidados de Salud Primarios, dictado por especialistas de trayectoria internacional, que se llevó a cabo en la ciudad de Manta. El evento contó con la presencia de más ...
Dr Cristiano Laurino fala sobre a "A arte de correr" na 1a edição da revista Podium. Clique aqui para ler o artigo...
O Brasil conquistou na tarde deste domingo dia 3 de agosto de 2014 o oitavo título em 16 edições do Campeonato Ibero-Americano Caixa de Atletismo, disputado no Estádio Ícaro de Castro Mello, no Ibirapuera, em São Paulo. A equipe somou 48 medalhas, sendo 16 de ouro, 17 de prata e 15 de bronze. ...
A Revista IstoÉ, publicou matéria no dia 09/08/2014, abordando os aspectos envolvidos no sucesso do Clube de Atletismo BM&FBOVESPA. O artigo aborda a importância do investimento consciente em todos os aspectos que vão desde a formação até o desenvolvimento de atletas de alto rendimento. Cli...
A corrida de rua já é praticada por cerca de 4 milhões de pessoas no Brasil, um público que movimenta cerca de R$ 3 bilhões por ano. Previna-se de lesões e cuide da sua saúde. Clique aqui para ler a matéria completa. (Revista Mulher - ago 2014) Dr. Cristiano Frota de Souza Laurino...
A corrida não é inócua, como muitos acham. A incidência de lesões em um ano de prática regular de corrida varia de 26% a 92%, conforme as mais diferentes pesquisas feitas com corredores de todo tipo, amadores ou profissionais. Joelhos e tornozelos são as partes mais afetadas – por isso, qu...
  A atleta do Clube de Atletismo BM&FBOVESPA, Fabiana Murer é campeã da Diamond League 2014!  Fabiana vence pela segunda vez em sua carreira, sendo a primeira em 2010. Campeã Mundial Indoor em 2010 em Doha (Qatar) e Campeã Mundial em 2011 (Coréia do Sul), é a atual líder do ranking mu...
O Clube de Atletismo BM&FBOVESPA conquistou em 2014, três títulos mundiais.Mauro Vinicius da Silva (DUDA) , ouro no mundial indoor (Polônia) no salto em distância Izabela Rodrigues da Silva, ouro no Mundial Juvenil (EUA) no lançamento do disco Fabiana Murer, campeã da Diamond League no salt...
Aconteceu na cidade de Viña del Mar (Chile) nos dia 26 e 27 de setembro, a 1a Jornada de Traumatologia - Sanofi - Chile 2014. O dr. Cristiano Laurino ministrou palestra sobre o tema: "Muscle lesions in Sports: State of the art on treatment & looking at the future". Clique aqui para ver o program...
O Clube de Atletismo BM&FBOVESPA conquistou o 13º título consecutivo do Troféu Brasil, neste domingo (12/10), com 534 pontos, à frente do Pinheiros (399) e da Orcampi/Unimed (238,5). Na somatória da categoria feminina a disputa foi um pouco mais equilibrada, mas o Clube de Atletismo BM&FBOVES...
  O Dr. Cristiano Laurino escreve artigo sobre as fraturas por estresse na edição de outubro da revista Podium. Clique aqui para ler o artigo completo          E-mail                ...
Right direction

A Ruptura do tendão Patelar do joelho

O tendão patelar é um ligamento que conecta dois ossos (patela e tíbia) e integra o aparelho extensor do joelho. Sua importância é fundamental nos movimentos do joelho.

Joelho_ant_

As rupturas do tendão patelar são relativamente raras e geralmente unilaterais. A verdadeira freqüência com que ocorre na população de esportistas é desconhecida, mas são observadas mais frequentemente numa população de indivíduos com idade inferior a 40 anos.

Tendao_patelar_roto

O treinamento esportivo geralmente beneficia as qualidades e características dos tendões, porém, a intensidade e freqüência com que certas cargas são aplicadas aos tendões, podem ser, por vezes, perigosas e preocupantes. A capacidade de remodelação dos nossos tendões frente às cargas impostas é ainda motivo de pesquisas e interesse científico.

O mecanismo típico da lesão é a contração excêntrica violenta do músculo quadríceps com o pé fixo ao chão e o joelho flexionado na aterrissagem de um salto. Este mecanismo independe de um traumatismo direto sobre o joelho.

Nem só os atletas sofrem rupturas dos tendões, o que significa que cargas desproporcionalmente elevadas em relação à capacidade de resistência dos tendões podem provocar rupturas. Tendões doentes são vulneráveis, porém a maioria deles é assintomática, o que diminui a percepção do indivíduo sobre o problema. A força estimada para ocorrer a ruptura é superior a 17 vezes o peso corporal, porém tal intensidade pode ser atingida em algumas modalidades esportivas, sem que ocorra qualquer alteração do tendão. Tal fato se deve a múltiplos fatores de adaptação ao esforço e à condição genética.

A história mais frequente é o aparecimento de dor súbita e incapacidade de extensão ativa do joelho. O exame físico revela deformidade (patela alta ou luxada), inchaço, hematoma e limitação funcional. As radiografias avaliam a condição óssea da patela e os exames de ultrasom e ressonância magnética permitem a avaliação das características da ruptura (extensão e localização) e das lesões associadas.

A ruptura do tendão é totalmente incapacitante, resultando na inabilidade de realizar a extensão completa do joelho. Localiza-se no sítio de enfraquecimento do tendão, como resultado de degeneração crônica. Tal degeneração associa-se a microtraumas repetitivos e distúrbios de adaptação às cargas impostas durante a atividade física. O ponto de ruptura mais comum ocorre geralmente na transição entre o osso da patela (pólo inferior) e o início do tendão, mas pode ocorrer no meio do tendão ou na inserção óssea na tíbia .

Outros fatores predisponentes às rupturas são descritos como: múltiplas infiltrações de corticosteróides, usuários de esteróides anabólicos, diabetes, insuficiência renal crônica, artrite reumatóide, lúpus eritematoso sistêmico e nos usuários crônicos de corticosteróides. Os pacientes submetidos a algumas cirurgias do joelho também podem sofrer rupturas, como: artroplastias totais (próteses), reconstrução do ligamento cruzado anterior com enxerto do tendão patelar e após a remoção cirúrgica de áreas de tecido degenerado.

A intervenção cirúrgica precoce e adequada permite a recuperação do movimento e da força. Avanços recentes nas técnicas cirúrgicas permitem a reabilitação mais precoce dos pacientes operados e a utilização de enxertos (tendão do semitendíneo e grácil) para reforçar a sutura do tendão é também utilizada de rotina nos reparos cirúrgicos.

Degeneração não é inflamação e esta diferença pode ser avaliada por métodos de diagnóstico por imagem (ultrasom e ressonância magnética). A avaliação periódica dos principais tendões (patelar e calcâneo) permite a identificação das tendinopatias (doenças dos tendões), além de quantificar e localizar as áreas enfraquecidas, o que fornece informações importantes sobre o risco de rupturas.

Cuide dos seus tendões e bons treinos !

{loadposition social}
 

                                                      mapa                   agenda                            mensagem

rssyoutubetwitterfacebook     SIGA-NOS NAS REDES SOCIAIS

 Rua Botucatu n. 591 conjunto 182 ver mapa
04023-062 Vila Mariana São Paulo (São Paulo SP)

Telefone : 11 50817850  
Fax: 50817850                                                                                                                                                                 

Facebook

Vídeo mais visto

Àrea Restrita

  • Registrar-se
    *
    *
    *
    *
    *
    Fields marked with an asterisk (*) are required.
  • Nós temos 9 visitantes online